A expressão mágica


 

Se você não está interessado na aula, se não entendeu algo, se não quer fazer o que foi proposto, se não pretende o mínima para tentar aprender se “não gosta” da aula, da disciplina, do professor, de seus pais, do mundo, se tem certeza de que o tema a ser estudado é muito difícil, quase que impossível de ser compreendido, se, ou qualquer outra coisa que, teórica ou praticamente o impeça de aprencder, especialmente sua própria vontade, basta usar a expressão ”eu sou burro(a), não entendi”, e pronto! é o seu passaporte para o Éden.

A partir do momento em que você diz isso, você está também comunicando ao seu (sua) professor(a) que está se autoliberando de qualquer compromisso com o estudo, seja lá o que for que a palavra compromisso signifique.

Aluno, liberte-se: assuma publicamente a sua indolência, ignorância e preguiça mental: basta clicar os botões certos e voilá – o pátio será sua saída para a felicidade!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s